Produtores De Soja, Milho E Outras Culturas Contam Os Resultados Do Uso Do K Forte® Na Lavoura

Produtores de soja, milho e outras culturas contam os resultados do uso do K Forte® na lavoura

O potássio é um nutriente essencial para o desenvolvimento das plantas, sendo muito exigido por diversas culturas. Dessa maneira, é essencial que os agricultores estejam atentos ao manejo do potássio para garantir a produtividade e qualidade da lavoura. Produtores de soja, milho e outras culturas de diversos lugares do Brasil contam sobre a sua experiência com o K Forte® e falam sobre os resultados que o fertilizante multinutriente da Verde Agritech trouxe!

A importância do potássio para a agricultura

O potássio é um nutriente que faz parte do chamado grupo dos macronutrientes primários, o que significa que ele é essencial para o crescimento e desenvolvimento das plantas e é exigido em grandes quantidades pelas culturas.

Embora a ação e a dinâmica do potássio sejam diferentes em cada espécie de planta, podemos identificar, de maneira geral, que entre as funções desse importante nutriente estão:

  • A ativação enzimática;
  • A síntese proteica;
  • A fotossíntese;
  • O transporte de fotoassimilados no floema;
  • O crescimento celular;
  • A regulação do potencial hídrico das células;
  • A melhoria da qualidade de flores e frutos;
  • A amenização de estresses bióticos e abióticos.

Por isso, é fundamental que os agricultores estejam atentos ao manejo da adubação potássica, que pode influenciar diretamente na produtividade e qualidade das lavouras.

Laercio Dalla Vecchia sabe dessa importância. Ele é agricultor no município de Mangueirinha, no Paraná, e venceu em 2020 o Desafio Nacional de Produtividade do Comitê Estratégico Soja Brasil (Cesb).

Em sua propriedade, além da soja, ele cultiva outras culturas, como o milho e o feijão. Laercio conta como o uso do K Forte®, fertilizante multinutriente da Verde Agritech, tem proporcionado benefícios para a sua lavoura:

“O potássio aqui está na forma do K Forte®, que foi misturado junto com o composto orgânico. Olha só para o milho como está muito bem! Gosto muito de observar embaixo do milho, como estão as plantas: não começou a amarelar nada, a gente olhar bem, olhar com carinho como as plantas estão se desenvolvendo muito bem!”

Laercio Dalla Vecchia ainda destaca os bons resultados que o K Forte® trouxe para a cultura do feijão, que, ele explica, é bastante é exigente. Além disso, o campeão de produtividade fala sobre como a saúde biológica do solo foi favorecida com o uso do fertilizante da Verde.

Mas, por que o K Forte® favorece a saúde biológica do solo? E qual a relação disso com a compostagem?

K Forte®: um fertilizante potássico livre de cloro

A compostagem é uma técnica agrícola que envolve a decomposição da matéria orgânica rica em elementos nutritivos, como resíduos vegetais e animais, para trazer diversos benefícios para a agricultura.

Os microrganismos estão diretamente envolvidos na compostagem, já que são eles os responsáveis pela decomposição da matéria orgânica.

Entretanto, o uso de fertilizantes com excesso de cloro em sua composição, como o Cloreto de Potássio (KCl), que é composto por aproximadamente 47% de cloro, prejudica a vida biológica do solo, por causa do seu alto poder biocida. É o que destaca Adriano Martins Barbosa, agrônomo e agricultor que cultiva soja, milho e braquiária em Pires do Rio, Goiás:

“Quem está acostumado a trabalhar com agricultura convencional, na maioria das vezes usa como fonte de potássio o Cloreto de Potássio. E aí você está adicionando uma quantidade significativa de cloro no sistema, né? E aí muitas vezes os microrganismos benéficos do solo são prejudicados.”

O K Forte® é um fertilizante que consegue fornecer o potássio de maneira eficiente para as culturas e é livre de cloro. Assim, ele evita os malefícios que o excesso desse elemento traz para o solo, como a compactação, a elevação da salinidade e os efeitos de fitotoxidez nas plantas.

Adriano Martins Barbosa comenta sobre os impactos que isso traz para os microrganismos benéficos do solo e também destaca a presença do silício no K Forte®:

“Uma das vantagens do K Forte® é essa: trabalhar com um produto que a longo prazo vai beneficiar a questão da vida microbiológica do solo e o custo acaba sendo mais em conta do que as outras fórmulas de adubo e também a questão de resistência a estresse hídrico. As plantas têm uma sanidade melhor, por causa da quantidade de silício que tem no K Forte®.”

Mas, por que a presença do silício no K Forte® é benéfica?

K Forte® e os benefícios do silício para a agricultura

Além de ser uma fonte de potássio eficiente, o K Forte® também fornece às lavouras outros nutrientes, como o magnésio e o manganês. O fertilizante da Verde Agritech também é fonte de silício.

Objeto de muitos estudos na comunidade científica, o silício é considerado um elemento benéfico para as plantas.

Quando inserido no manejo agrícola, as funções desempenhadas pelo silício nas plantas proporcionam a manifestação de muitos benefícios, tais como a melhoria da capacidade de defesa das plantas contra pragas e doenças e a redução de estresses abióticos, como a seca e o frio.

Henrique Nilton Aime, agricultor que cultiva soja e braquiária no município de Chapada Gaúcha, em Minas Gerais, conta como o uso do K Forte®, além de trazer nutrir a lavoura com potássio, trouxe os benefícios do silício e ajudou na mitigação dos efeitos de um período seca:

“Nós começamos a usar e dá pra vocês verem aqui que a soja, levando 22 dias de soja, ela não perdeu nem o bacheiro. Continuou verde desde as primeiras folhas até as últimas folhas aqui em cima. E ela está muito bem carregada, está enchendo o grão hoje, e continua uma planta sadia, sem nenhuma doença. E graças ao K Forte® a nossa planta está toda uniforme: 2 mil hectares de terras, todos eles praticamente se salvam.”

Dorvalino Foscarini, produtor de milho e soja em Uberaba, no estado de Minas Gerais, relata uma experiência semelhante:

“Minhas lavouras estão muito boas. A da soja teve 34 dias de sol e obteve um bom resultado na colheita. Eu acho que esses produtos que me ajudaram também a produzir essa quantidade de soja. Colhi 60.5 sacas por hectare em uma lavoura que sofreu muito com o sol e eu fiquei satisfeito.”

Outro benefício da aplicação do silício nas plantas é a melhoria da resistência do aumento aos estresses bióticos, como pragas e doenças. Embora em cada espécie haja mecanismos diferentes, de maneira geral pode-se dizer que o silício faz isso através de dois mecanismos:

  • A criação de barreiras físicas, através da deposição de camadas de sílica nas células vegetais, o que reduz a ação de pragas e dificulta a penetração de patógenos causadores de doenças;
  • Interações fisiológicas, que estimulam as defesas naturais das plantas.

Assim, a integração do silício nos programas de manejo nutricional, através do uso de fertilizantes como o K Forte®, pode ajudar o agricultor a controlar as pragas e doenças de maneira mais eficiente e sustentável.

Renato Ávila é agricultor em Patrocínio, Minas Gerais. Ele cultiva soja, milho e feijão em sua propriedade, além de café e de ser também dono da Sementes Campolina. Renato conta como o uso do K Forte® na soja, no milho e no feijão melhorou o manejo das lavouras:

“Tanto na peneira de grãos, que já apresentou uma diferença muito grande, quanto na questão da sanidade da planta também. Porque a gente viu que a planta ficou mais nutrida, a questão de doença fúngica, doença de solo principalmente tem tido um controle muito grande.”

Veja o depoimento de Laercio Dalla Vecchia, Adriano Martins Barbosa, Henrique Nilton Aime, Dorvalino Foscarini e outros cafeicultores que utilizaram e aprovam o K Forte®:

 

A experiência dos cafeicultores mostra que o K Forte® trouxe bons resultados para as lavouras

Os depoimentos de agricultores de diversos lugares do Brasil mostram que o K Forte® é uma fonte de potássio eficiente na nutrição das lavouras.

O uso do fertiliziante multinutriente da Verde Agritech proporcionou resultados como o a melhoria de produtividade e o enchimento de grãos, entre outros. Por ser um fertilizante sem cloro, o K Forte® também melhorou a saúde biológica do solo.

Sendo também fonte de silício, magnésio e manganês, o K Forte® ajudou a proporcionar um manejo mais completo, melhorando a resistência da lavoura a estresses abióticos e bióticos, entre outros benefícios!

Produtores De Soja, Milho E Outras Culturas Contam Os Resultados Do Uso Do K Forte® Na Lavoura - Kforte Bannerblog

 

Compartilhe esta publicação