Saiba como ter o melhor custo-benefício na adubação com enxofre para a sua lavoura

Saiba como ter o melhor custo-benefício na adubação com enxofre para a sua lavoura

A adubação com enxofre é essencial no manejo de nutrição do solo, uma vez que os solos brasileiros são pobres nesse nutriente. Mas você sabia que pode ter um melhor custo-benefício pelo enxofre usado na adubação da lavoura?

O enxofre é um macronutriente secundário e, de maneira geral, o quarto nutriente mais consumido pelas plantas em seus processos de crescimento.

Entre outras funções, ele é responsável pela produção de proteínas importantes, fixação biológica do nitrogênio, defesa contra pragas e doenças e resistência ao frio.

Assim, é preciso estar sempre atento aos níveis desse nutriente no solo. Acontece que esse cuidado com o manejo pode sair caro para o produtor. Isso porque que existem fontes de enxofre que sofrem perdas com lixiviação, têm problemas de segregação de nutrientes e não são aplicados homogeneamente, além de terem menor custo-benefício.

BAKS – Enxofre com o melhor custo-benefício e mais eficiente

BAKS, fertilizante da Verde que fornece ao solo enxofre, além de potássio, silício e manganês tem o melhor custo-benefício por ponto de enxofre comparado às fontes convencionais do nutriente, disponíveis no mercado.

  • BAKS: R$ 1,50
  • Enxofre granulado: R$ 1,84
  • Super Simples: R$ 5,10
  • Sulfato de Amônio: R$ 9,90

Os dados são relativos à uma pesquisa de preços feita entre Setembro e Outubro de 2020. Para se ter uma ideia, o custo por 1% de enxofre do BAKS em relação ao Sulfato de Amônio, por exemplo, é 560% menor. Em relação ao Super Simples, essa diferença é de 240%. Já em relação ao enxofre granulado, a diferença é de 22%.

Saiba como ter o melhor custo-benefício na adubação com enxofre para a sua lavoura

Estudos indicam que, em comparação com outras fontes de enxofre elementar, como o pastilhado ou granulado, ele é melhor absorvido pela planta, o que faz com que a produtividade seja maior.

Outra vantagem do enxofre elementar micronizado, é que ele não lixivia, diferente de fontes sulfatadas. Essas fontes são altamente solúveis, o que faz com que elas se percam mais facilmente para as camadas mais profundas do solo. Assim, há um menor aproveitamento do nutriente pelas plantas.

Além disso, graças à sua liberação gradual, o enxofre elementar micronizado vai estar disponível para a planta durante todo o ciclo produtivo. Com isso, o aproveitamento do fertilizante é melhor, tanto para o uso em culturas perenes, quanto para o uso em adubação de sistemas de rotação de cultura.

BAKS – Fonte multinutriente  sem segregação

O enxofre elementar micronizado tem ainda outra grande vantagem sobre as outras fontes convencionais que são usadas como fertilizante de enxofre na agricultura: ele é distribuído de maneira homogênea no solo quando aplicado

Um dos problemas dos fertilizantes compostos por misturas de grânulos é a segregação de nutrientes. Ela acontece quando as fontes usadas são granuladas e de tamanhos e densidades diferentes. Por causa disso, elas tendem a se separar de acordo com o tamanho e a densidade, tornando a distribuição no solo irregular.

Assim, uma parte a lavoura recebe mais de um nutriente e menos de outro, desequilibrando o ecossistema do solo e prejudicando a lavoura.

O BAKS conta com a exclusiva tecnologia de micronização do enxofre elementar MicroS Technology. Por isso, quando misturado ao Siltito Glauconítico, que também faz parte da composição do BAKS, não há o problema da segregação.

Com isso, o enxofre, o potássio, o silício e o manganês são distribuídos uniformemente no solo, trazendo todos os benefícios desses importantes nutrientes para a sua lavoura.

Utilize o BAKS  e tenha os benefícios do enxofre elementar micronizado e retome o controle da nutrição da sua lavoura com o melhor custo-benefício por ponto de enxofre!